A Papiloscopia Forense
Instrutores: Dr. Rodrigo Barros (polícia Civil-df) E Gutemberg Pereira (polícia Civil-df)

O minicurso tem por escopo consolidar o conhecimento dos processos envolvidos na perícia papiloscópica, além de capacitar os alunos a executarem etapas do exame por meio de abordagens práticas, visando estimular a multidisciplinaridade das áreas de biologia, química e física aplicada em situações problema. PRINCIPAIS ASSUNTOS: -Anatomia da pele humana; -Aspectos químicos da pele humana e glândulas secretoras da pele; -Reveladores físicos para vestígios papiloscópcios; -Reveladores químicos para vestígios papiloscópicos baseados em traços de aminoácidos ou lipídeos; -Unicidade e morfologia das impressões digitais; -Exame de confronto papiloscópico e determinação da autoria de crimes. AULAS PRÁTICAS: - revelação de impressões digitais latentes com luz forense (em sala de aula com a luz apagada) e reagentes físicos ou químicos; - exame de confronto papiloscópico com material impresso. OBSERVAÇÃO: Levar lupas (comuns - lentes de magnificação); luvas e máscaras descartáveis.

 

Número máximo de alunos: 30